Wednesday, 24 February 2016

As melhores ultrapassagens de Ayrton Senna; vídeos das 10 mais

Uma pausa no futebol para mostrar uma lista fabulosa de ultrapassagens do maior piloto de todos os tempos, deixando grandes lendas e campeões da Fórmula 1 para trás.
Publicado no dia 24.Fev.2016 no meu blog Tabela & Ranking





Em uma década de Fórmula 1, Ayrton Senna exibiu uma coragem única e indomável para ultrapassar seus rivais, deixando muitos ídolos da categoria comendo poeira, desde o tricampeão Niki Lauda até o heptacampeão Michael Schumacher, que não passava de um novato ousado e abusado na época em que duelou com Senna. No ranking, também não poderiam faltar os maiores rivais: Alain Prost, Nelson Piquet e Nigel Mansell. Só feras, que tentaram resistir ao máximo, como mostrado nos vídeos a seguir, mas todos vistos pelo retrovisor da saudosa McLaren.




VOCÊ SABIA? Entre os campeões mundiais de 1981 até 2004, apenas Jacques Villeneuve (campeão de 1997) não sofreu uma ultrapassagem incrível de Ayrton Senna. Villeneuve só estreou em 1997, mas de resto, todos foram "batizados" por Ayrton: Nelson Piquet (campeão em 81, 83 e 87), Keke Rosberg (campeão em 82), Niki Lauda (campeão em 75, 77 e 84), Alain Prost (campeão em 85, 86, 89 e 93), Nigel Mansell (campeão em 92), Michael Schumacher (campeão em 94, 95, 00, 01, 02, 03 e 04), Damon Hill (campeão em 96) e Mika Häkkinen (campeão em 98 e 99).





10. Senna vs Schumacher GP da Itália 1991


Depois de liderar a maior parte da prova, Ayrton Senna troca os pneus, cai para quinto e parte para a reação, começando com a ultrapassagem sobre o alemão Michael Schumacher.

9. Senna vs Mika Häkkinen GP da Bélgica 1992


Fim de prova, mas Ayrton Senna não se entrega. Em corrida de recuperação, Senna vai com tudo pela 5ª colocação e faz o jovem finlandês Mika Häkkinen fritar pneus e o assoalho de sua Lotus.

8. Senna vs Alesi GP de Phoenix 1990


O francês Jean Alesi surpreendia ao liderar a prova em sua estreia, sob o cockpit de uma Tyrrell. Deu trabalho, segurou na primeira tentativa de Senna, mas na segunda não teve vez.

7. Senna vs Damon Hill GP do Brasil, Interlagos 1993


Damon Hill volta dos boxes na frente de Ayrton Senna, mas o piloto brasileiro acelera no molhado, retarda a freada e ultrapassa o britânico para assumir a ponta.

6. Senna vs Schumacher GP do Brasil, Interlagos 1992


Ousado desde sempre, Michael Schumacher sai da reta oposta de Interlagos para ultrapassar Ayrton Senna, mas não muito distante toma o troco, entre o Laranjinha e a Curva do S.

5. Senna vs Piquet, Rosberg & Prost GP de Silverstone 1985


Depois de largar na quarta colocação, Ayrton Senna vem por fora e dispara na frente do pole Keke Rosberg, do compatriota Nelson Piquet e do francês Alain Prost.

4. Senna vs Mansell GP de Detroit 1986


Depois de sair na pole, Ayrton Senna perde a liderança na volta cinco, para Nigel Mansell. Em seguida, Senna pressiona, Mansell não resiste e perde o primeiro lugar na volta oito.

3. Senna vs Lauda GP de Mônaco 1984


Em um ponto perigoso no Circuito de Monte Carlo, onde as ultrapassagens são praticamente impossíveis, Ayrton Senna estreia nas ruas do Principado de Mônaco ultrapassando ninguém menos que o lendário Niki Lauda, que viria ser tricampeão naquele ano, com a McLaren. Correndo pela Toleman, Senna só não venceu a corrida por que a direção da prova encerrou a corrida no momento em que ultrapassava o líder Alain Prost.

2. Senna vs Piquet GP da Hungria 1986


Esta histórica disputa termina com Nelson Piquet se saindo melhor, e com a vitória no fim. Contudo, a ultrapassagem definitiva só veio em uma segunda chance, pois antes de assumir a liderança, Piquet teve que travar os freios na primeira tentativa, vendo Senna se dar bem e seguir na ponta. Esta é apontada por muitos como a maior disputa em uma corrida, na história da F1.





1. Senna vs Prost, Hill & Schumacher GP da Europa 1993


A "primeira volta mais fantástica" de toda a história da Fórmula 1, a "corrida da volta perfeita"... Assim é considerada a arrancada que Ayrton Senna obteve na largada do GP de Donington Park, que não se tratou apenas de um pulo na largada para a ponta. A pista estava molhada, em condições difíceis de guiar, Senna saiu em quarto e, caindo para quinto, ultrapassou um por um: Michael Schumacher, Karl Wendlinger, e as Williams de Damon Hill e do líder Alain Prost, que terminou a prova em terceiro com uma volta atrás de Senna. Hill foi o segundo com uma diferença de 1min23s799.

No comments:

Post a Comment